quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Lasanha de Legumes

Uma mãe e um bebê, camelos, estavam por ali, à toa, quando de repente o bebê camelo perguntou: 
- Mãe, mãe, posso te perguntar umas coisas? - Claro! O que está incomodando o meu filhote? - Por que os camelos têm corcovas? - Bem, meu filhinho, somos animais do deserto, precisamos das corcovas para reservar gordura e por isso mesmo somos conhecidos por sobreviver no deserto. 
- Certo, e por que nossas pernas são longas e nossas patas arredondadas? - Filho, certamente elas são assim para permitir caminhar no deserto. Sabe, com essas pernas eu posso me movimentar pelo deserto melhor do que qualquer um! Disse a mãe, toda orgulhosa. 
- Certo! Então, por que nossos cílios são tão longos? De vez em quando eles atrapalham minha visão. - Meu filho! Esses cílios longos e grossos são como uma capa protetora para os olhos. Eles ajudam na proteção dos seus olhos quando atingidos pela areia e pelo vento do deserto! Respondeu a mãe com orgulho nos olhos... 
- Tá. A corcova é para armazenar gordura enquanto cruzamos o deserto, as pernas para caminhar através do deserto e os cílios são para proteger meus olhos do deserto. Então, o que é que estamos fazendo aqui no Zoológico???

Moral da história: "Habilidade, conhecimento, capacidade e experiências, só são úteis se você estiver no lugar certo!" Onde você está agora? 




  



Eu não sei bem o que é esse prato que inventei, achei melhor chamar de lasanha de legumes, talvez seria a definição mais correta, mas o que interessa é que é algo muito saboroso, fácil  e que vale apena fazer. Eis a receita:

Ingredientes (para 2 pessoas):

- 2 batatas grandes fatiadas e cozindas
- 1 lata de molho de tomate
- 200 gramas de mortadela fatiada
- 200 gramas de mussarela fatiada
- 1 abobrinha italiana fatiada
- 1 caixinha de creme de leite
- 50 gramas de bacon em cubo
- sal a gosto
- pitada de noz moscada
- azeite


- Unte uma travessa de azeite e coloque as batatas (sal a gosto), darrame molho de tomate, coloque as fatias de mussarela e mortadela.
- Jogue molhe de tomate em cima, coloque as fatias de abobrinhas, molho de tomate, mortadela e mussarela.
- Cubra com o creme de leite, pitada de sal, noz moscada e bacon em cubos por cima
- Deixe 30 minutos no forno.

14 comentários:

  1. E ñ é q me parece mesmo bom?
    Beijo.
    isa.

    ResponderExcluir
  2. Receita com história? Tududibom...
    Muito criativo vc, hein?
    Bj
    Deborah

    www.delicias1001.com.br

    ResponderExcluir
  3. Agora fiquei curiosa...
    Parece ser uma delícia.
    Abraços, Daniana
    http://cozinhasemdrama.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Amigo

    Sei aonde estou nesse momento e posso garantir que estou no lugar certo!
    No lugar que tem as melhores delicias, hummmmmmmm
    Receita show.
    Bjusssss

    ResponderExcluir
  5. Seja lá k nome tenha, está com um super aspecto mesmo :)
    beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Estou com uma receita de lasanha de legumes semelhante a sua, qualquer hora vou fazer também! Fico uma cara... hum! bjos

    ResponderExcluir
  7. MAIS UMA HISTÓRIA LINDA E SÁBIA, ADOREI.
    É A PRIMEIRA VEZ QUE VEJO UMA LASANHA COM BATATA, MAS AGRADOU-ME ....E MUITO.
    BJS

    ResponderExcluir
  8. Adorei!!! Não sei se eu estou no lugar certo não..rs

    ResponderExcluir
  9. Olá Daniel,estava de férias e não fiz muitas visitas, vejo que vc está cada dia melhor nas delicias!!!! como sempre receita perfeita, parabéns e um ótimo 2011 p vc e sua familia!! bjs

    ResponderExcluir
  10. Adorei a estorinha do camelo...A vida é realmente assim...

    Quanto ao prato querido, nem importa o nome porque isso deve ter ficado bom demaaaissss...rsrs

    bjim
    Jana
    http://janainamechi.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Olá Daniel!
    Feliz 2011 para ti e toda a tua familia amei a tua lasanha gosto muito mas já estou muito gorta o muito que pode acontecer um dia destes é não caber pela porta.Mil beijos da Tia.

    ResponderExcluir
  12. Adorei a história...

    E o prato ficou lindo. Adorei.
    Beijos

    ResponderExcluir